Moda » Piercing no Tragus dói? – Riscos, Cuidados, Piercing Inflamado

Piercing no Tragus dói? – Riscos, Cuidados, Piercing Inflamado

Publicado por em Moda

A moda agora é usar acessórios alternativos no corpo, sim, é um jeito estranho de se dizer, mas acho que todos entendem a ideia. Não tenho uma opinião sólida formada sobre o assunto, mas estou mais para o lado de apoiar do que descordar. Sim, há os malefícios, como o fato de pensar que seu corpo está sendo “furado” por um objeto de aço, ou seja lá o que for. Muitas vezes o furo não fecha, caso a pessoa se arrependa e queira tirar o piercing, pois depende muito do corpo de cada um, alguns nunca fecham e fica um furo meio grande no local, nenhum pouco bonito, como foi o caso da minha irmã, que tem até hoje um no umbigo. Nunca achei piercing nesse local bonito, mas fazer o que se ela não aceita minha opinião. O fato é que se quer colocar um desses, deve-se pensar muito sobre o assunto, com antecedência, não faça nada por impulso, pois é nesses casos que o arrependimento vem, pode demorar, mas quase sempre chega.

O Tragus é uma parte do corpo muito incomum para se colocar um piercing, é aquela cartilagem que a gente preciona com os dedos quando não queromos ouvir alguma coisa, sabe? Dizem que não dói muito, quer dizer, um pouco é normal, mas nada fora disso. Alguns acham bonito, eu particularmente acho muito estranho. Adoro esse tipo de acessório, mas em lugares mais comuns como no nariz, tanto para homens quanto para mulheres, acho que fica muito charmoso, principalmente uma argolinha colorida; a pedrinha acho um pouco estranha, aquelas bem pequenas então, nem me fale.

Os cuidados à serem tomados após colocar um Piercing no Tragus da orelha são os de sempre, os mesmos quando você faz uma tatuagem ou uma cirurgia. Basta evitar alimentos muito gordurosos, como chocolate, carne de porco, batata e outros. Para saber a lista completa dessas comidas basta fazer uma rápida busca no Google e você pode encontrar em segundos. Além de tudo, é importante limpar o local com álcool todos os dias, no mínimo uma vez à cada 24 horas, para evitar de inflamar. Conheço pessoas que não tomaram nenhuma precaução e acabaram desenvolvendo a famosa quelóide; é lógico que vai da sorte da pessoa, muitas não dão a mínima e nunca acontece nada. É bom evitar de ficar cutucando com o dedo, por ser algo novo muitos gostam de ficar girando o piercing como forma de passa-tempo, isso deve ser esquecido no começo, só até o tempo de cicatrizar.

Risco basicamente não existe nenhum, à não ser a inflamação, como citei acima; se isso acontecer o mais recomendado é procurar ajuda médica, do contrário dá para se virar em casa mesmo, com os utensilhos que encontramos na farmácia. Já ví muitos homens fazendo isso, vai de cada um, mas temos que concordar que não é muito interessante. No trágus existem diversos modelos de piercings para serem colocados, desde aqueles comuns que simplesmente atravessam os furos até pedrinhas e modelos que parecem pingentes. A argolinha neste caso não é muito comum, para falar a verdade nem sei se existe, mas abaixo selecionei algumas fotos dos estilos mais usados e bonitos, na minha opinião, é claro.

3 Comentários:
  1. adriana
    15/09/2013

    amei fura o meu,mas estou commedo pq hoje tomei vinho e comi suan.tem algum problema? obrigada.

    • Eu
      23/12/2013

      Claro que tem, vinho e suan não combinam nem a pau!

    • luiza
      08/04/2014

      Olá, estava a procura de artigos falando sobre o tragus e tal, e não deixei de notar no comentário acima da Adriana, olha, carne suína não é remosa, nem gordurosa igual a população diz, então eu te garanto que carne suína não fara “mal” para o seu piercing, muito menos o vinho, pois não há nenhuma contra indicação a respeito, e lembrando que, carne suína e vinho são duas ótimas combinações e podem ser armonizadas facilmente! Obrigada pela atenção (:

Deixe sua opinião:
Mensagem